Desafios na educação
Seg, 22 de Agosto de 2016 13:47

Ministério da Educação lança dois desafios em formato de consulta pública

Interessados poderão sugerir inovações no combate ao Zika vírus e para o aprimoramento da Educação Profissional e Tecnológica

Com o objetivo de dar continuidade às ações de mobilização do país no combate ao mosquito Aedes aegypti e visando aprimorar a Educação Profissional e Tecnológica, o Ministério da Educação (MEC), por meio das secretarias de Educação Continuada, Alfabetização Diversidade e Inclusão (SECADI), Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) e Educação Superior (SESU), lançou, em modalidade de concurso, dois projetos: o "Desafio Educação Zika Zero" e o "Desafio da Educação Profissional e Tecnológica". As iniciativas tem por objetivo incentivar a população a sugerir medidas inovadoras e experiências no combate ao mosquito e levantar propostas para o aprimoramento da Educação Profissional Tecnológica.

Conforme a metodologia dos concursos, os participantes poderão curtir e comentar as sugestões de outros, acumulando pontos de acordo com o sistema. Os três candidatos com maiores pontuações serão premiados.

Pode participar qualquer cidadão brasileiro. Os interessados serão classificados de acordo com a contribuição e a participação na página, as propostas selecionadas serão organizadas e recomendadas para que a população e as entidades públicas e privadas possam implementá-las. Confira o regulamento nos sites dos desafios: Desafio Educação #Zika Zero e Desafio da Educação Profissional Tecnológica.

Premiação:

A premiação será da seguinte maneira para ambos os desafios:

- Cursos técnicos e de graduação de Institutos e Universidades – categorias institutos e universidades: Para cada categoria – 1º lugar: R$ 25.000,00, 2º lugar: R$ 15.000,00 e 3º lugar: R$ 10.000,00

- Escolas públicas – categorias N/NE/CO/SE/S: Para cada categoria – 1º lugar: R$ 25.000,00, 2º lugar: R$ 15.000,00 e 3º lugar: R$ 10.000,00

- Prêmios para pessoas físicas: R$2.000,00 (1º colocado), R$1.500,00 (2º colocado) e R$1.000,00 (3º colocado)

- Prêmios para os autores das três melhores propostas: R$2.500,00 (cada)

IFSULDEMINAS apoia a campanha #Zika Zero

altDesde o início deste ano, o Instituto Federal do Sul de Minas vem promovendo campanha de combate ao vírus da Zika. Servidores e alunos dos campi se mobilizaram na realização de diversas ações, tais como a distribuição de panfletos, visitas em escolas municipais com oferta de palestras de prevenção ministradas por profissionais da área de saúde, distribuição de informativos à população com dicas de combate ao mosquito, mutirões para realização de limpeza dentro e fora dos campi do Instituto, sem contar as parcerias firmadas com o Exército e a Prefeitura de Pouso Alegre para intensificar as ações da campanha.

Para estimular o combate ao mosquito, o MEC lançou também um concurso de vídeos em todo sistema educacional do país. A prevenção deve ser feita durante todo o ano com tarefas básicas como tampar as caixas de água, colocar areias nos pratos de flor, limpar as calhas para que não acumulem água e várias ações simples, mas que são de suma importância na luta contra o Aedes Aegypti.

Confira todas as ações realizadas:

http://www.ifsuldeminas.edu.br/index.php/pt/component/content/article/4475

Texto: Ascom / IFSULDEMINAS - Reitoria
Data: 22/08/2016